.....................................................................Escritor clandestino é quem navega neste mar literário
...................................................................................sem se preocupar com o itinerário.

.......................................................................................A.J. Cardiais

Noite Iluminada - Anorkinda



Noite iluminada

Esvoaçavam por todo lugar
pirilampos de claro alumiar
dançavam um ballet sutil
aproveitando o ar primaveril

Vaga-lumes da felicidade
que anunciavam lindezas
a porvir num raio-claridade
milagres da Natureza

Inspirei com muito prazer
o encanto daquela dança
sorvi o ar da esperança

Dancei naquela companhia
iluminada, farois de harmonia
celebrei a grande festa de Ser!

Anorkinda Neide